Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Setembro 22, 2013

Arquivo Ufo: Prof. Flávio Pereira

O parapsicólogo e ufólogo, Prof. Flávio A. Pereira, no quadro "Video Ciência", do Programa Esporte Motor, exibido pela TV Record, São Paulo, SP, em 24/03/1990. Nesta 2ª parte da série sôbre discos voadores, ele aborda as aparições dos foo-fighters, a onda de 1946 na Suécia e a de 1947/48 nos EUA, encerrando com o Projeto Blue Book de 1969, ocasião em que a Comissão de Ciência e Astronáutica do Congresso Americano concluiu que os discos não são provenientes da Terra.
Digitalização: Nelson Pintaude
Gravação realizada com o VCR Panasonic G-9
Este vídeo foi republicado sob o título "Ufo - Assunto Sério", com melhor qualidade de som e imagem.
FLÁVIO AUGUSTO PEREIRA:-
Nasceu em 19fev1926 na cidade de Batatais SP, graduou-se pela Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras da Universidade de São Paulo, em 1951. No ano de 1955 escreveu textos para o Jornal "O Estado de São Paulo" na coluna Filosofia da Astronáutica.
Fundou a Comissão Brasileira de Pesquisas Confid…

Vós sois deuses: Fusão nuclear a laser está a um passo de criar miniestrela

A força conjunta dos 192 lasers dispara 1,8 megajoule de energia e 500 terawatts de potência.[Imagem: Damien Jemison/LLNL]

Motor não dá partida

Imagine girar a chave do seu carro em uma manhã fria - o motor gira, gira, mas não pega.

É mais ou menos isso o que cientistas do laboratório NIF (National Ignition Facility), nos Estados Unidos, afirmam estar acontecendo com seu projeto de criar uma reação de fusão nuclear autossustentada.

Se o resultado ainda parece ruim, é necessário levar em consideração que esse é o primeiro "motor de fusão nuclear", ou seja, os cientistas e engenheiros estão tendo que descobrir como é que se faz um e ajustar todos os parâmetros para que ele funcione.

Assim, girar até quase "pegar" é um grande progresso.

A fusão nuclear a laser é uma das abordagens para tentar criar uma fonte de energia limpa imitando o que acontece nas estrelas - há um outro projeto com o mesmo princípio usando 60 raios laser.

"Fazer o motor pegar", no caso…

Conheça o acelerador de partículas do CERN pelo Street View!

O Google Street View, além de ser uma ferramenta muito útil para conhecer lugares onde você pretende ir antes de sair de casa, é também uma ótima maneira de conhecer lugares onde você nunca estará.
A mais nova atualização no serviço permite fazer um passeio virtual pelo CERN (Organização Europeia para a Pesquisa Nuclear), conhecido por ser o laboratório que abriga o LHC, o maior acelerador de partículas do mundo.

O CERN é o maior laboratório de Física de partículas do planeta. Já que ele fica na Suíça, é bem possível que você nunca consiga ir até lá fazer uma visita – a não ser uma virtual, pelo Street View. O passeio virtual permite conhecer as estruturas incríveis do LHC apenas com alguns cliques do mouse.

Clique em: https://www.google.com/maps/views/streetview/cern?gl=us

FONTE: http://canaltech.com.br/

Seu relato nos é importante!!!

Gostaria que todos vocês leitores desta pagina, colaborassem com suas experiências com o tema Ovni, desde que tenham tido, para nós é muito importante formar este banco de dados. Este meio é livre de qualquer tipo de preconceito em relação ao tema, casos de abduções, visualizações de ovnis, contatos fisicos e astrais, etc, são todos bem vindos, sabemos que este fenômeno tão complexo possui uma gama enorme de direcionamentos. Aos amigos pilotos que por ventura aqui passarem e quiserem contribuir com seus relatos e aos demais que não queiram se identificar, publicaremos tais informações com total sigilo, para isso criamos o projeto paralelo, "Seus Contatos Ovnis", um espaço dedicado somente a relatos de leitores que queiram contribuir com tais informações. Estaremos esperando ansiosos por seu contato no e-mail: seuscontatosovnis@yahoo.com.br  http://seuscontatosovnis.blogspot.com.br/

"Disco Voador" Mamanguape, João Pessoa - Paraíba

Mera ilustração.

TUDO ACONTECEU NA DÉCADA DE 1980, ACREDITO QUE TENHA SIDO EM 1985, NÃO SEI PRECISAR EXATAMENTE O ANO, POR VOLTA DAS 23:00h. UM DISCO VOADOR (ESFÉRICO, BEM BRILHOSO, GRANDE, DE COLORAÇÃO LARANJA E SILENCIOSO) TERIA SOBREVOADO A BR-101, EM BAIXÍSSIMA ALTURA, ENTRE AS CIDADES DE MAMANGUAPE E JOÃO PESSOA, NO ESTADO DA PARAÍBA. ISSO TUDO ACONTECEU PRÓXIMO AO POSTO DA POLÍCIA RODOVIÁRIA FEDERAL.


A MINHA FAMÍLIA, NA ÉPOCA, ESTAVA VIAJANDO DE CARRO POR ESSE LOCAL E VIU TUDO. OUTRAS PESSOAS QUE ESTAVAM EM DOIS OUTROS CARROS NESSA MESMA ESTRADA TAMBÉM VIRAM, ASSIM COMO OS QUATRO POLICIAIS RODOVIÁRIOS QUE ESTAVAM DE SERVIÇO NESSE DIA TAMBÉM.



FORAM CERCA DE DEZESSETE TESTEMUNHAS.



NO PROGRAMA TELEVISIVO DA REDE GLOBO, O JORNAL NACIONAL, OS APRESENTADORES FALARAM SOBRE O OCORRIDO E TODOS NA ÉPOCA VIRAM ESSA EDIÇÃO JORNALÍSTICA.

VAMOS TENTAR ENCONTRAR A EDIÇÃO DESSE JORNAL TELEVISIVO BEM COMO AS OUTRAS TESTEMUNHAS (OCUPANTES DOS OUTROS DOIS CARROS E OS QUATRO POLICIAIS RODOVIÁRIOS F…

Galáxia mais densa descoberta nas vizinhanças da Via Láctea

A galáxia-anã ultracompacta foi encontrada no aglomerado de galáxias da Virgem. [Imagem: X-ray: NASA/CXC/MSU/J.Strader et al. Optical: NASA/STScI]

Galáxia mais densa

Imagine a distância entre o Sol e a estrela mais próxima de nós, a Alpha Centauri - são 4 anos-luz.

Agora, imagine 10 mil estrelas do tamanho do nosso Sol amontoadas nesse mesmo espaço.

Esta é a densidade de uma galáxia supercompacta que acaba de ser descoberta por uma equipe internacional de astrônomos.

"Esta galáxia é mais maciça do que qualquer galáxia-anã ultracompacta de tamanho comparável," disse Jay Strader, da Universidade do Estado de Michigan, nos Estados Unidos. "E é, sem dúvida, a galáxia mais densa conhecida no universo local."

A galáxia-anã ultracompacta foi encontrada no aglomerado de galáxias da Virgem, um grupo de galáxias localizado a cerca de 54 milhões de anos-luz da Via Láctea.

O que torna esta galáxia, chamada M60-UCD1, tão notável é que cerca de metade da sua massa está concentr…

Luz agora pode ser guiada em qualquer direção

Estruturas baseadas nos quasicristais estão sendo usadas para manipular a luz como se ela fosse água. [Imagem: Paul Steinhardt Group]

Primeiro os cientistas fizeram a luz fluir por ruas ópticas, depois ensinaram-na a fazer conversões em U e, finalmente, a guiar por caminhos complexos.

Com a ajuda dos metamateriais, já existe até um componente óptico que decide para onde virar a luz.

O supra-sumo dessa tecnologia parece ter emergido agora, na forma de um material que guia a luz em qualquer direção.

A aparente mágica é possível graças a um novo tipo de cristal fotônico criado por Weining Man e seus colegas da Universidade Estadual de São Francisco, nos Estados Unidos.

Cristais fotônicos

Normalmente os cristais fotônicos são superfícies com padronagens altamente ordenadas, feitas em nanoescala.

Existem materiais naturalmente fotônicos, como os que geram a iridescência nas asas de borboletas e outros insetos.

Mas os materiais fotônicos artificiais geralmente se baseiam na reflexão da luz…

Ondas íon-ciclotrônicas explicam terceiro anel de radiação da Terra

Agora se sabe que o Cinturão de Van Allen é formado por pelo menos três anéis de radiação, que respondem diretamente às influências das partículas emitidas pelo Sol.[Imagem: NASA/Goddard Space Flight Center]

Cinturão de Van Allen

Por mais de meio século, os cientistas acreditaram que a Terra possuía dois anéis de partículas carregadas, o chamado Cinturão de Van Allen.

No início deste ano, duas sondas lançadas pela NASA - as sondas Van Allen, que têm colaboração brasileira - descobriram o terceiro anel da formação.

Descoberto novo cinturão de radiação ao redor da Terra
Agora, a equipe da missão Van Allen acredita ter encontrado uma explicação para o quase inexplicável anel, formado por partículas tão rápidas que são conhecidas como ultra-relativísticas.

"Alguns dos elétrons alcançam energias tão gigantescas que eles são dirigidos por um conjunto inteiramente diferente de processos físicos," diz a nota da NASA.

As energias envolvidas são tão altas que os elétrons atingem velo…

Caetité, Bahia – Brejinho das Ametistas e seus discos voadores

Ao longo dos anos vários relatos de avistamentos de objetos voadores não identificados (OVNIs) volta e meia surgiam entre os habitantes do distrito caetiteense de Brejinho das Ametistas. Eles ficaram, porém, quase sempre restritos aos seus moradores. E, quando divulgados, foram alvos de gozação por aqueles que não acreditam.

Parece que OVNIs sempre foram vistos naquele distrito, situado em meio a um extenso planalto de campos gerais; a região é centro de grandes jazidas minerais, sobretudo de cristais, que seria um dos motivos para tais presenças alienígenas.

Caetité também seria um “alvo” preferencial dos extraterrestres, pois possui a maior mina de urânio do país em atividade.

Um dos relatos dá conta de luzes que pairam a pouca distância do solo, e desenvolvem grande velocidade até desaparecerem – sendo esta a forma mais comum desses fenômenos.

Recentemente ocorreu a divulgação de relatos oficiais de avistamentos insólitos pela Força Aérea Brasileira, feitos em 2004. Com isto as lu…

Goiás é o Estado brasileiro com mais casos de aparições de discos voadores, diz a Aeronáutica

O território do Estado de Goiás, com Brasília incluída, é a região do país que mais teve aparições de discos voadores – pelo menos 113 registros anotados pelas autoridades da Aeronáutica de 1952 até 2010.

Os dados estão no Arquivo Nacional, na capital federal, onde foram finalmente liberados ao conhecimento público através da Lei de Acesso à Informação.

São 2.600 páginas de relatórios da Força Aérea Brasileira, catalogando todos os avistamentos de objetos voadores não identificados nos céus brasileiros.

Goiás aparece com destaque, inclusive, na famosa “noite dos discos voadores”, episódio ocorrido em 19 de maio de 1986, quando um enxame de OVNIS circulou entre São Paulo e o espaço aéreo goiano. Naquela noite, houve decolagem de caças da FAB, que partiram do Rio e da base aérea de Anápolis para investigar os objetos luminosos que foram avistados, todos com as mesmas características: moviam-se ora rapidamente ora quase pairando no ar, mudavam de cores, de branco para vermelho, passando…

Rede de neurônios é responsável pela imaginação, diz estudo

Imaginação e criatividade: uma "área de trabalho" envolvendo diversas partes do cérebro é responsável por essa habilidade humana (Thinkstock)

Pesquisadores descobriram que doze áreas cerebrais estão relacionadas à capacidade de manipular imagens mentais

Uma das mais intrigantes capacidades do cérebro humano é a de imaginar: manipular representações mentais para criar imagens - mesmo que elas não existam no mundo real. Se alguém diz “imagine uma girafa com patas de leão”, cada pessoa cria uma imagem desse animal bizarro em sua mente, ainda que, obviamente, nunca o tenha visto. Nenhuma das áreas cerebrais identificadas até hoje, porém, fornece uma explicação satisfatória para a origem da criatividade e da imaginação. Um novo estudo, de pesquisadores da Faculdade de Dartmouth, nos Estados Unidos, sugere que a resposta para esse problema pode estar em não olhar tão de perto: para os cientistas, a imaginação é controlada por uma ampla rede neural – e não por uma área específica …

Visitem "Seus Contados Ovnis"

http://seuscontatosovnis.blogspot.com.br/

E-mail: seuscontatosovnis@yahoo.com.br

Documentos da Força Aérea sobre avistamentos misteriosos nos céus do Brasil

Uma pequena parte dos documentos desclassificados pela Força Aérea no link a seguir: https://drive.google.com/folderview?id=0B4YWmHNEERrJR2o2ZjEzenYweUE&usp=sharing