Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Setembro 15, 2013

Os dois pontos de vista da Psicologia sobre a Ufologia

A psicologia dos “contatos imediatos” – entre o individual e o coletivo



Os estudos em psicologia envolvendo o tema alienígenas e óvnis são numerosos, e trabalham com diferentes abordagens. Só para citar alguns, existem avaliações sobre se há pessoas com propensão especial para atrair ou relatar estas aparições, para fantasiar; se elas estão dissociando, se isso tem a ver com distorção de memória e criação de falsas memórias ou se há ocorrência de algum distúrbio mental. Outras pesquisas já tocam no funcionamento cerebral de abduzidos, enquanto um terceiro grupo de trabalhos aborda as experiências religiosas relacionadas, os diferentes sentidos que os protagonistas dão para suas experiências e a formação de seitas e grupos.

Para Leonardo Martins, pesquisador do Laboratório de Psicologia Anomalística e Processos Psicossociais (Inter Psi) do Instituto de Psicologia (IP) da USP, o resultado deste panorama é que os achados são controversos. “Alguns vão achar que existe relação com dissocia…

Então o LHC pode realmente criar buracos negros?

Mural ilustrativo do detector CMS, no LHC. [Imagem: Claudia Marcelloni/CERN]

O LHC e os buracos negros

Antes que o LHC fosse ligado, em 2010, muito se especulou sobre a possibilidade de que suas colisões de partículas produzissem buracos negros que engoliriam a Terra.

O gigantesco colisor de partículas já fez boa parte do seu trabalho, e até agora não há notícias de que a Terra tenha sido destruída.

Contudo, as teorias sobre buracos negros criados pelo LHC parecem estar ganhando momento entre os físicos - ao menos, buracos negros microscópicos.

É o que nos explica a física Kelly Izlar, em um artigo escrito para a revista Symetry, dos laboratórios Fermilab/SLAC.

A busca por buracos negros microscópicos

Encontrar micro-buracos negros no LHC poderia denunciar a existência de dimensões extras, o que poderia explicar por que a gravidade parece ser tão fraca.

A energia necessária para formar um buraco negro como o que existe no centro da nossa galáxia - a quantidade de energia contida em u…

Marte: aproximação de cometa ameaça satélites em orbita

As incertezas sobre a distância mínima que o cometa C/2013 A1 se aproximará de Marte em 2014 está obrigando as agências espaciais a criarem planos de manobras para os satélites na órbita do Planeta Vermelho. O objetivo é diminuir os riscos de colisão contra as partículas cometárias.

Atualmente, três sondas estão orbitando o planeta Marte: as estadunidenses Odyssey e Mars Reconnaissance Orbiter (MRO) e a europeia Mars Express. Além dos orbitadores, a Nasa também possui os jipes-robôs Curiosity e Opportunity, que estudam o planeta a partir do solo.

Apesar de os cálculos mostrarem que o cometa C/2013 A1 Siding Spring não se chocará contra a superfície marciana, as incertezas sobre a menor distância da aproximação estão trazendo uma série de dúvidas sobre a implementação das manobras a serem feitas para reduzir o risco de colisão das naves contra a poeira cometária.

Os números apontam para uma passagem rasante situada entre 66 mil e 194 mil km da superfície, uma margem de erro bastante g…

Laser insere gene em células individuais

"O que é mais fantástico é que tudo isso acontece em uma única célula." [Imagem: Gwangju Institute of Science and Technology]

Transfecção

Você certamente já ouviu falar de terapia genética, engenharia genética, animais e plantas geneticamente modificados e etc.

Mas você já parou para pensar como é que os pesquisadores manipulam os genes?

O termo técnico para a inserção de um gene exógeno em uma célula é transfecção.

Há muitos métodos para realizar a transfecção, mas todos tendem a ser complicados e destrutivos, não permitindo um controle preciso sobre a inserção do DNA, obrigando os pesquisadores a destruir um grande número das células até finalmente acertar em uma.

Na prática, o que eles fazem é trabalhar com aglomerados de células, selecionando estatisticamente aquelas que devem ter recebido o gene.

Transfecção óptica

Agora, Muhammad Waleed e seus colegas do Instituto de Ciência e Tecnologia de Gwangju, na Coreia do Sul, usaram luz para criar a técnica mais precisa para i…

Força da gravidade pode não ser constante

Está é uma parte do mapa da gravidade terrestre de mais alta resolução feito até hoje. [Imagem: Christian Hirt]

Mapa da gravidade

Recentemente, uma equipe da Austrália e da Alemanha usou dados coletados pelos ônibus espaciais para criar os mapas da gravidade terrestre de mais alta resolução feitos até hoje.

Quando os mapas ficaram prontos, contudo, o resultado surpreendeu a todos: os dados revelam variações gravitacionais até 40% maiores do que se considerava anteriormente.

"Nossa equipe calculou a gravidade em queda livre em três bilhões de pontos - um ponto a cada 200 metros - para criar estes mapas da gravidade de mais alta resolução já feitos. Eles mostram mudanças sutis na gravidade sobre a maioria das áreas terrestres da Terra," disse o professor Christian Hirt, membro da equipe.

Os dados indicam que a gravidade mais forte na superfície da Terra fica próxima ao Pólo Norte, enquanto a menor fica no alto dos Andes, na montanha Huascaran.

Poderia parecer intuitivo que a …

Mistério: "Cães morrem após luz aparecer no céu", dizem moradores de Peruíbe (SP)

A repórter Lorena Coutinho foi até a cidade do litoral de São Paulo conferir essa história de perto. O mistério assusta os moradores. Eles afirmam que logo após a aparição desta luz no céu, os cachorros morrem sem deixar nenhum vestígio. Acompanhe!

Foto do objeto:


link para acessar o vídeo: http://noticias.r7.com/balanco-geral/videos/misterio-caes-morrem-apos-luz-aparecer-no-ceu-dizem-moradores-de-peruibe-sp-17102015

FONTE: R7.COM